Mensagens

Acreditar e Agir

9 de Junho 2012

Acreditar e Agir

Um viajante caminhava pelas margens de um grande lago de águas cristalinas, imaginando uma forma de chegar até ao outro lado, aonde era o seu destino. Suspirou, profundamente, enquanto tentava fixar o olhar no horizonte. A voz de um homem de cabelos brancos quebrou o silêncio momentâneo, oferecendo-se para transportá-lo. Era um barqueiro.

O barqueiro disse ao viajante:

– Este barco pode ser chamado de AUTOCONFIANÇA. E a margem é a META que desejamos atingir. Para que o barco da AUTOCONFIANÇA navegue seguro e alcance a META pretendida, é preciso que utilizemos os dois remos ao mesmo tempo, e com a mesma intensidade: ACREDITAR e AGIR.

Não basta apenas ACREDITAR, senão o barco ficará a rodar em círculos, é preciso também AGIR para movimentá-lo na direção que nos levará a alcançar a nossa META. Impulsione os remos com força e com vontade, superando as ondas e os vendavais, e não se esqueça que, por vezes, será preciso até remar contra a maré.

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!


5 comments
  1. Leidiane Ferreira - Porto Velho/RO

    É preciso tomar atitudes para se alcançar qualquer objetivos. O que Deus espera é isso, para aí sim Ele poder agir!

  2. Mariana Pacheco / São Luís - MA

    È verdade Bispo, não adianta apenas ACREDITAR precisamos agir para que Deus venha derramar as sua benção sobre nossas vidas. Agir exige renuncia, mas é o que garante a vitória! Que Deus abençoe o Senhor!

  3. Jessica Ramos / Brasilia

    Boa tarde Bispo Com certeza, precisamos agir a nossa fé e acreditar ir e frente passando por cima de todos os obstáculos e conquistar.

  4. sandra

    boa tarde,eu custei longos 32 anos da minha vida para entender q eu estava remando com um apenas dos remos,e hoje q entendo a necessidade dos dois estarem juntos nunca mais navegarei apenas com um único remo,prefiro parar de navegar.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.