Não Desista! Vídeos

Não Desista! 3/04/2014

3 de Abril 2014

Perder um familiar é uma situação bastante difícil de ultrapassar e muitos pensam
Também em acabar com a própria vida e quando pensam que a vida não pode piorar é quando começam a surgir novos problemas. Vamos ver como se tornou a vida de Maria após passar por esta situação…

Maria teve problema atrás de problema, doença atrás de doença….

E você acha que ela nasceu para sofrer? Que este era o karma ou o destino dela?

Não, maria tinha problemas espirituais. Tal como maria, você pode estar a ver os seus problemas como algo natural ou azar e por isso não os consegue derrubar. Aprenda esta sexta feira como superar os problemas sobrenaturais.

[iframe width=”600″ height=”400″ src=”//www.youtube.com/embed/Fzwat2Mzrl4?rel=0″]

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!
Bjf

Anterior

03 de abril

Seguinte

04 de abril


6 comments
  1. Fabiana FJE Alcobaça

    Bom dia, todos nós temos problemas, temos que os saber ultrapassar. Foi o que aconteceu há D. Maria, com muitas tribulações, mas ultrapassou-as. Com a presença de Deus, nós arrancamos tudo, de mal dentro de nós. Obrigado Deus o abençoe.

  2. Tiago Neto-FJE ALCOBAÇA

    Ola boa noite, como o caso da D Maria á muitos, pessoas que sofrem sofrimento atrás de sofrimento e pensam que isso é o seu destino, karma ou azar mas na verdade isso é um mal e elas precisar de Jesus para arrancar esse mal. Muito Obrigado

  3. Micael Ferreira - FJE Alcobaça

    Boa noite, tem problemas que só o espírito de Deus pode arrancar das nossas vidas. Até uma próxima.

  4. Jose Silva. Barreiro. Baixa Da Banheira.

    concordo consigo devemos de saber liderar e nao nos dobrar diante dos problemas mais sim levanta e reagir. obrigado.

  5. Joana Custódio - FJE Alcobaça

    Boa tarde Bispo, há problemas que só são vencidos através das reuniões de sexta feira, porque estes são do foro espiritual. Que Deus o abençoe.

  6. Leandro Gonçalves- FJE Alcobaça

    Boa tarde,temos que aprender a lidar com os problemas e ultrapassá-los!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.