Mensagens

Serão todos Obreiros?

3 de Maio 2011

Serão todos Obreiros?

Nem todas as pessoas Batizadas com o Espírito Santo serão obreiros, pastores, esposas de pastor ou terão um título na Igreja, mas todos os Batizados com o Espírito Santo SÃO Testemunhas do Senhor Jesus.

Porquê?
Nem todos têm a mesma vocação e Deus, melhor do que todos, sabe disto.
Nós chamamos, mas Deus escolhe por conhecer a mente, o coração, a disposição e a intenção de cada pessoa.

É melhor ser um bom membro do que um obreiro insatisfeito; é melhor ser um bom obreiro do que um pastor ou esposa de pastor insatisfeito e isso acontece porque cada um tem uma vocação.

Assim como num corpo há muitos membros, também na Igreja do Senhor Jesus cada um é escolhido por ELe para servir de acordo com a sua vocação. “Ora, vós sois corpo de Cristo; e, individualmente, membros desse corpo. A uns estabeleceu Deus na Igreja, primeiramente, apóstolos; em segundo lugar, profetas; em terceiro lugar, mestres; depois, operadores de milagres; depois, dons de curar, socorros, governos, variedades de línguas”. I Coríntios 12.27-28.

Nem todos os membros são nariz, nem todos são boca ou cabeça, mas todos fazem parte do corpo e todos têm o mesmo Espírito, sendo assim, todos os que têm o Espírito Santo têm tudo em comum, como está escrito: “Todos os que creram estavam juntos e tinham tudo em comum (Evangelizar a todos)”. Atos 2.44

Independente do título, idade ou posição, todos os que são batizados com o Espírito Santo têm vida para Dar, São testemunhas da Ressurreição do Senhor Jesus e evangelizam, ainda que não façam parte do grupo de obreiros ou pastores.

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!

Anterior

O poder das palavras (II)

Seguinte

Trust!


9 comments
  1. tânia

    Realmente querer fazer aquilo que não lhe cabe é dar murros em ponta de faca ,eu me lembro que quando comecei a ir a igreja tinha uma jovem que o sonho dela era ser obreira mas era uma ansiedade tão grande que as vezes ela ate se entristecia por ver as outras jovens sendo levantadas a obreira e ela não ate que um dia isso aconteceu mas o maximo que ela permaneceu foi um ano saindo ate da igreja talvez se tivesse se preocupado em buscar ão Senhor Jesus e não a uma posição na igreja estaria ainda conosco . Deus abençoe o senhor

  2. Angelinapais

    Amei :-) . Obrigado b. J .freitas :-)

  3. Rosangela floriano

    boa essa mensagem,porque aquilo que queremos talvez não seja a vontade de Deus,o que importa mesmo que sejamos vasos de honrar para glória de Deus o que fazemos seja para glorifica-lo seja como ele quer...como obreiros,pastores,esposas, membros,importante é; que seja ele em nos...

  4. Deus tem uma grande importãncia na minha vida, pois Ele é a razão da minha vida, embora que goste muito de viver,é uma dádiva de Deus e sei que tenho muito para dar ao mundo na palavra de Deus, fazendo a diferênça!

  5. Tudo o que fazemos para Deus tem igual valor, não é o título que interessa mas nosso coração a intenção em fazer é que conta realmente detalhes por vezes pequenos mas que fazem grande diferença!

  6. willian

    muito fortre.É oque acontese com muitos na igreja,nós temos que se achar nela,cada um Deus usa de uma forma.Cada um tem seu espaço e um chamado seja no altar ou como obreiro não importe título, até então no cêu não vai ter Bispo,Pastor,Esposas,Obreiro,ou membro mais aqueles que de fato e de verdade entregarão toda a sua vida.

  7. Carleide Lima - Cenáculo do ESPIRITO SANTO - Sobradinho (Sede) - DF

    Boa tarde, Bp! Independente de títulos, o importante é que o evangelho seja pregado em todo o mundo, a toda a criatura.

  8. Augusto Oliveira

    Fiquei há muito tempo sem estar de acordo em me entregar e integrar a Cristo, justamente por que "via" que várias possibilidades minhas, sonhos e especialidades tão profundas teriam de naufragar. Eu achava o tempo todo que eu TERIA que me tornar pastor ou obreiro, e meus ofícios teriam de ser deixados permanentemente de lado. Tal pensamento extraiu de mim qualquer vontade ou chance de ser um cristão autêntico ou de voltar para Cristo. E assim foi durante praticamente um ano. Eu era apenas um cristão antes, mas que só ia a igreja para fazer presença e certo tempo depois me afastei. O retorno não foi fácil e muito desmotivador, por que eu imaginava que eu teria de descartar tudo o que eu poderia fazer de melhor (eu não queria - e nem quero - ser pastor ou obreiro). Mas agora, diante desse esclarecimento, uma grande limitação foi tirada de mim e entendi que Deus escolhe segundo o melhor para a pessoa. Muito obrigado por essa palavra, ela me ajudou a retornar definitivamente para Cristo, não como um cristão de igreja, mas como um cristão de Cristo, um verdadeiro seguidor. Obrigado!

  9. Reyna Robles

    Obispo muito forte o estudo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.