Mensagens

Riquezas, a quem devem Pertencer? (Parte 2)

13 de Agosto 2016

Riquezas, a quem devem Pertencer? (Parte 2)

Me mentiram quando disseram: “Jesus foi pobre”

Por favor, leia em voz-alta estas Palavras do Espírito do Deus-Vivo ao Seu Povo:

“Vi e ouvi uma voz de muitos anjos ao redor do Trono, dos seres viventes e dos anciãos, cujo número era de milhões de milhões e milhares de milhares, proclamando em grande voz:
Digno é o Cordeiro que foi morto de receber o Poder, e Riqueza, e Sabedoria, e Força, e Honra, e Glória, e Louvor.
Então, ouvi que toda criatura que há no céu e sobre a terra, debaixo da terra e sobre o mar, e tudo o que neles há, estava dizendo:
Àquele que está Sentado no Trono e ao Cordeiro, seja o Louvor, e a Honra, e a Glória, e o Domínio pelos séculos dos séculos.“ (Ap 5.11-13)

Se nos Céus, onde não há necessidade de riquezas para se subsistir e desfrutar do melhor, conforto e segurança… há Riquezas… agora se entende o porquê Deus Promete fazer o Seu Povo rico nesta vida, aqui no Mundo físico, onde vivemos temporariamente…E sim, se precisa desfrutar do melhor, conforto e segurança…

Viver uma vida rica nesta vida, é mostrar com fatos para os incrédulos, que há uma Proposta de Deus de fazer diferença entre os que O servem e os que não O servem.

“Exorta aos ricos do presente século que não sejam orgulhosos, nem depositem a sua esperança na instabilidade da riqueza, mas em Deus, que tudo nos proporciona ricamente para nosso aprazimento; que pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e prontos a repartir; que acumulem para si mesmos tesouros, sólido fundamento para o futuro, a fim de se apoderarem da verdadeira vida.” (1Tm. 6.17-19)

Mais uma vez, fica bem claro que Deus Quer e Deseja Que os SEUS Filhos também sejam ricos materialmente, pois o problema não está em ser rico, mas em ser rico e não praticar as obras da Fé, para Evangelizar na Salvação de outros. Está claro que as maiores riquezas que uma pessoa pode possuir são a “Verdadeira Vida” (Salvação) e a Fé-Consciente (… ricos em boas obra se GENEROSOS EM DAR…).

A Ordem Divina é que os Seus Filhos sejam ricos economicamente e pratiquem o bem sendo generosos em dar e prontos a repartir. Mas, como dar, repartir, se não tem o que dar? Daí o porquê o mal e os malvados têm trabalhado incansavelmente para impedir que as pessoas sejam ricas de boas obras e de bens. Porque eles sabem que isso refletirá na evangelização de milhares e até milhões de pessoas.

Por favor, leia com a devida atenção:

“Não vos falo na forma de mandamento, mas para provar, pela diligência de outros, a sinceridade do vosso amor; pois conheceis a Graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, Sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela Sua pobreza, vos tornásseis ricos. E nisto dou minha opinião; pois a vós outros, que, desde o ano passado, principiastes não só a prática, mas também o querer, convém isto. Completai, agora, a obra começada, para que, assim como revelastes prontidão no querer, assim a leveis a termo, segundo as vossas posses. Porque, se há boa vontade, será aceita conforme o que o homem tem e não segundo o que ele não tem. Porque não é para que os outros tenham alívio, e vós, sobrecarga; mas para que haja igualdade, suprindo a vossa abundância, no presente, a falta daqueles, de modo que a abundância daqueles venha a suprir a vossa falta, e, assim, haja igualdade, como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve falta.” (2 Co 8.8-15)

Repare amigo leitor, que a diligência, a sinceridade e o amor, é o que inicia, mas, para se completar, é necessário o oferecer-dar.

O Senhor Jesus nunca foi pobre espiritualmente e materialmente!

Esta pobreza mencionada aqui, é o fato de Ele ter deixado a Sua Glória nos Céus (imensurável, imaginável, incompreensível, magnificente e alguma vez vista por olhos humanos… Ler: Ap 21.9-27) para vir a este mundo físico (criado por Ele), limitado, físico, privado das Suas imensuráveis riquezas espirituais que há nos Céus para ser Formado em um ventre, Nascer, Crescer, Viver e Morrer “como” um ser humano comum. Tudo isso por Amor a ti! Obs.: No nascimento do Senhor, Ele foi honrado com presentes riquíssimos, dignos de um Rei: Ouro, Incenso e Mirra (Ler: Mt 2.11). Quando adulto, durante o Seu Ministério, Se vestia como um nobre – Linho fino. Roupa esta que foi disputada pelos soldados após a Sua Crucificação (Ler: Mt 27.35). Ele nunca Ensinou sobre a miséria como Vontade, Plano ou punição Divina. Pelo contrário, desde o início (Ler: Mc 10.30) deixou claro que a miséria, como a violência, injustiça e toda a classe de maldade, provém do diabo e seus demónios (Ler: João 10.10).

Todos estamos sendo provados, e a única maneira de completarmos o que iniciamos nas conquistas pela Fé é que não nos apeguemos às posses, para que Deus possa nos aprovar e nos confiar as Suas Riquezas Espirituais e materiais.

Deus é contigo, e eu também!
Bjf

Anterior

13 agosto

Seguinte

14 agosto


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.