Mensagens

Qual é o caso mais difícil de resolver? O nosso “EU”!

19 de Agosto 2011

Qual é o caso mais difícil de resolver? O nosso “EU”!

[audio:/19082011.mp3]

“Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que seja a graça mais abundante? De modo nenhum! Como viveremos ainda no pecado, nós os que para ele morremos?” (Romanos
6.1-2).

Aquele que morre não tem mais desejo, nem vontade, e assim é com aqueles que já morreram para o seu “eu”, para a sua vontade, pois, já não voltam aos velhos erros.

“Ou, porventura, ignorais que todos nós que fomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados na sua morte?” (Rm 6.3).

Todos os que foram batizados em Cristo Jesus, realmente sepultaram o seu “eu” e não ignoram este feito, não desprezando o que fizeram no dia do seu batismo, pois consideram o que Cristo fez na cruz por eles.

[floatquote]“Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim também andemos nós em novidade de vida” (Rm 6.4). [/floatquote]

A partir do momento em que a pessoa deixa para trás a sua velha vida passa a ser uma nova criatura, pois, ao sair das águas “ressuscita”, para assim poder viver uma nova vida, agora com Deus, paz, equilíbrio emocional e convicção, a qual levará às decisões corretas e, consequentemente, a desfrutar dos benefícios das decisões tomadas pela sua convicção.

[floatquote]“Porque, se fomos unidos com ele na semelhança da sua morte, certamente, o seremos também na semelhança da sua ressurreição” (Rm 6.5).[/floatquote]

Aquele que entrega e sacrifica todo o seu ser a Cristo, à semelhança do que Ele fez por nós, então, ressuscita para uma vida de vitórias e de conquistas, assim como a Ele foi dado todo o poder, nos céus, na terra e debaixo da terra, aqueles que sacrificam também alcançam esse domínio sobre toda a sua vida.

[floatquote]“Sabendo isto: que foi crucificado com ele o nosso velho homem, para que o corpo do pecado seja destruído, e não sirvamos o pecado como escravos; porquanto quem morreu está justificado do pecado” (Rm 6.6-7). [/floatquote]

Quando as nossas vontades, manias, costumes e o nosso “eu” é sepultado e crucificado, então, deixamos de ser escravos, dominados por tudo o que nos dominava antes, seja os erros, os pensamentos, as emoções, os sentimentos e tudo o que nos afasta de Deus, pois o nosso sangue no Altar justifica-nos e dá-nos acesso à Sua Presença e a todo o Seu Poder, para que assim venhamos resistir ao mal e o mesmo venha a fugir de nós. Caso alguém ainda esteja a ser escravo de tudo o que foi falado é porque ainda não crucificou o velho homem, quer dizer, ainda não humilhou o seu “eu” e, por isso, vive humilhado/a pela vida, pois quem não se humilha é humilhado/a e quem se humilha para Cristo é exaltado/a.

[floatquote]“Ora, se já morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos, sabedores de que, havendo Cristo ressuscitado dentre os mortos, já não morre; a morte já não tem domínio sobre ele” (Rm 6.8-9). [/floatquote]

Aquele que agora está com Deus e é uma nova criatura, “a morte”, ou seja, a tudo o que leva à morte, seja espiritual ou físico, já não o/a domina. Vejamos a partir do momento em que com CRISTO viveu em novidade de vida, os vícios, as doenças, a miséria, as brigas em casa, o insucesso universitário, escolar, profissional ou empresarial, já não o/a domina mais, pelo contrário, passa a dominar, triunfar, vencer e subjugar, tudo o que antes o/a pisava e calcava, pois quem já está “morto/a” nada o/a pode matar, visto que já morreu!

[floatquote]“Pois, quanto a ter morrido, de uma vez para sempre morreu para o pecado; mas, quanto a viver, vive para Deus. Assim também vós considerai-vos mortos para o pecado, mas vivos para Deus, em Cristo Jesus” (Rm 6.10-11). [/floatquote]

Agora, de uma vez por todas, passa a viver e a fazê-lo para Deus, na comunhão e na intimidade, dentro de uma relação entre o Pai celestial e o/a filho/a, o/a qual vive doravante em função da sua convicção em Deus, pois já está morto/a para o seu passado, traumas, complexos e tudo o que antes o/a afligia.

[floatquote]“Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, de maneira que obedeçais às suas paixões” (Rm. 6.12). [/floatquote]

Mesmo assim deverá estar atento/a e sempre despojado/a de tudo o que o mal possa usar neste Mundo, tais como todas as suas fantasias, para assim despertar as suas “paixões”, quer dizer, os seus sentimentos e emoções, portanto, deverá estar sempre desintoxicado/a de todo o lixo desta vida.

[floatquote]“Nem ofereçais cada um os membros do seu corpo ao pecado, como instrumentos de iniquidade; mas oferecei-vos a Deus, como ressurretos dentre os mortos, e os vossos membros, a Deus, como instrumentos de justiça” (Rm 6.13).[/floatquote]

Agora há uma mudança clara e total, pois, outrora tudo o que a pessoa era e usava para desgraçar a sua vida e a dos outros, inclusive a da sua família, agora ela usa para ganhar almas, levando esta mudança e esta paz a outros, oferecendo-se, então para que o reino de Deus cresça neste Mundo.

[floatquote]“Porque o pecado não terá domínio sobre vós; pois não estais debaixo da lei, e sim da graça” (Rm 6.14). [/floatquote]

Passará assim a haver livramento, independência e liberdade, pois estará debaixo da vontade e da graça de Deus.

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!


30 comments
  1. marcelo

    muito edificante

  2. ANDRE CRUZ

    Excelente estudo, faço questão de compartilhar no meu face!! Grato;

  3. Luci

    Bom Dia Bispo!!! Comecei essa semana a ler seu blog. Suas explicações de cada versiculo tem me levado a entender mais profundamente a Biblia. Por exemplo nesse artigo me aprofundei mais sobre os erros que cometo e que me afastam de Deus. Ex. um pensamento negativo sobre qualquer coisa da vida. Deus continue sempre a lhe usar mais e mais!

  4. lizbeth alvarado (tacubaya)

    Es día a día luchar con nuestro propio yo pedir que DIOS quiebre este jarro y nos aga de nuevo las lucha con nuestra propia persona es aun lo mas difícil los pensamientos,las dudas mas en nosotros esta humillarnos y realmente reconocer que yo sola no puedo solo el me da la fortaleza y la fuerza para poder salir adelante y sea el el que nos guié

  5. angelica

    Excelente. Tudo isso que foi dito na mensagem e mais se a entrega foi verdadeira deixamos também de nos angustiar com O "medo da morte", um problema que leva as pessoas muitas vezes a caminhos que nem sabe, mas são de fracasso e destruição. Pareca até contraditório, mas o medo tem feito muitos estragos. Já cheguei a pensar que é o tal medo da morte que tem afastado as pessoas de transcenderem e pensarem na espiritualidade. Agarram-se à materialidade, ao físico para fugirem do assunto. Porque na verdade essa vida é finita. Dai a necessidade de desenvolvermos nossa espiritualidade. Penso que falei da minha experiencia. Obrigada pelo espaço.

  6. Davi Almeida

    Infelizmente muitos ainda são levados a tomar a decião e descer ao batismo por emoções, intuiçao. Fazendo do cristianoismo uma utopia de vida e se frustando cada vez mais, pois não sepultaram a velha personalidade ou o velho homem.

  7. ola bispo suas mnsagem sao muito bem explicadas obrigadaque DEUS o abençoe seempre o sempre aea nos tben

  8. lais

    Bispo muito bacana essa mensagem forte

  9. LUCÉLIA ALMEIDA

    A luta mais complexa e difícil são contra o nosso eu. Bispo, eu já fui uma pessoa muito sentimental, eu tentava controlar-me, mas não conseguia, hoje sou liberta, tenho o Espírito Santo, e todo santo dia procuro matar o meu eu, pois sirvo ao meu Deus, não e fácil, mas tenho a preciosidade dEle na minha vida e não perco por nada nessa vida, alem de ela ser passageira. Boa Noite!

  10. amanda oliveira

    Para que temos uma comunhão intima com Deus temos que renunciar o nosso eu dizer não pra nossa carne, não é facil mais so quando realmente queremos um compromisso com Deus conseguimos , pois o diabo coloca na nossa frente tudo que gostamos para que possamos fazer a nossa vontade e deixamos a de Deus de lado.Temos que pensar na nossa salvação, que é mais importante do que qualquer coisa que tem nesse mundo.

  11. zilande

    MUITO FORTE BISPO JULIO,QUANDO NÓS SEPULTAMOS A VELHA CRIATURA, TOMAMOS A ATITUDE DE DEIXAR OS PECADOS, AS COISAS ERRADAS ,TUDO QUE DESAGRADA A DEUS. E ENTÃO ENTREGAMOS TODA A NOSSA VIDA DE FATO E DE VERDADE PARA DEUS, E SOMOS UMA NOVA CRIATURA.

  12. jussara schiavo caxias do sul

    ola bp, GOSTO MUITO DO SEU BLOG, SEMPRE SOU EDIFICADA, COM ESSAS MENSAGENS, E MUITO FORTE, O NOSSO PIOR INIMIGO SOMOS NOS MESMOS. BISPO EU FICAVA ABALADA, MUITO PREOCUPADA COM OS ACONTECIMENTOS RUIS , AGORA ME VEJO FORTE , ESTOU REALMENTE REVESTIDA PELO ESPIRITO SANTO ESTOU MAIS FELIZ, SENDO Q POR FORA NÃO ACONTECEU NADA DE NOVO, MAS O MEU INTERIOR ESTA TOTALMENTE RENOVADO. ABRAÇOS QUE DEUS CONTINUE USANDO OS SEUS SERVOS PARA AJUDAR , AS PESSOAS ASSIM A CORRENTE AUMENTA.

  13. Cléa Souza

    Ao sepultarmos o nosso "eu inferior" vivificamos o nosso EU SUPERIOR, ou o EU SOU, nos libertando completamente da ignorância e da imaturidade espiritual, vivenciando naturalmente o interagir do consciente e do subconsciente, onde um elabora e o outro executa, esta é a AÇÃO DIVINA dentro de cada criatura. Enquanto o indivíduo buscar a DEUS na "terra do nunca", ignorando o seu EU SOU, ou seja a PRESENÇA INFINITA dentro dele, o sofrimento será inevitável! Com o sepultamento do "eu inferior", renascemos para VIDA ETERNA.

  14. Luciana Mendes - Baixa da Banheira

    Está claríssimo... Quem nasceu de Deus, morreu o seu "eu". Na fé.

  15. Boa tarde Bispo! Alias o'eu' e o maior inimigo do ser humano. Por isso que Jesus fala que se alguem quer ser discipulo d'Ele, nao seguidor mas DISCIPULO alem de aborrecer pai, mae, mulher e tc... tem de aborrecer tambem a PROPRIA VIDA! E nao e isso o nosso 'eu'? Pois eh! Para ser discipulo tem de matar tudo, ferir, sepultar a natureza humana para assim viver para Cristo. Deus abencoe AB UK

  16. O 'eu' da pessoa neutraliza a accao do Espirito Santo. AB UK

  17. valeria

    É VERDADE BISPO... A CADA DIA NOS DEVEMOS MATAR O NOSSO EU.. QUE AS COISAS DE DEUS SEJA MAIS FORTE EM NOS DO, QUE AS COISAS DO MUNDO... QUE A VOZ DE DEUS FALE MAIS ALTO EM NOS NA FÉ HJ AMANHA E SEMPRE ;)

  18. maria do carmo

    É muito dificio seputa o nosso eu a nossa vontade,mais quando a um querer de muda e ir a luta se consegue vai de acordo com o quere da pessoa com o desejo de mudar e servi a Deus de todo o coração.

  19. Boa tarde Bispo! Alias o 'eu' e o maior inimigo do ser humano. Por isso que Jesus fala que se alguem quer ser discipulo d'Ele, nao seguidor mas DISCIPULO alem de aborrecer pai, mae, mulher e etc.... tem de aborrecer tambem a PROPRIA VIDA! E nao e isso o nosso 'eu'? Pois eh! Para ser discipulo tem de matar tudo, ferir, sepultar a natureza humana para assim viver para Cristo. Deus abencoe AB UK

  20. Elber

    Sem dúvida é o nosso maior inimigo. Mais todo dia temos que massacrá-lo até ele saber que nós somos mais em Cristo Jesus.

  21. Ana Luiza M. Rodrigues/Uberlândia-MG_BRASIL

    Isto tudo que o senhor escreveu nesta mensagem incluindo as passagens bíblicas, são muito importantes principalmente para aqueles que para acreditarem, precisam ver primeiro! E mesmo que este ou esta lendo as passagens registradas pela Bíblia, continue a duvidar, um dia, cedo ou tarde verão que se está registrado na PRÓPRIA Palavra, algum ensinamento Deus quer nos dar atraves de tal mensagem. Obrigada bispo, por deixar que Deus o use. Não conhecia o blog do sr. e antes do acessava os que ja conhecia, mas confesso que logo quando entro na internet, me lembro das muitas palavras edificantes que encontro aqui neste blog, e corro pra cá. Muito BACANA meeesmo!

  22. Mariana Baiadori

    A morte do nosso "eu" realmente não é facil, mas quando isto ocorre, com o Novo Nascimento tudo se torna um pouco mais fácil, mas também diariamente devemos manter este eu morto, sem abrir espaço para renascer.Defendendo nossa fé, a base da Palavra de Deus.

  23. Renata

    BOA NOITE BISPO LI SUA MENSAGEN A COISA MAIS DIFICIL E DE SEPULTARMOS O NOSSO EU.

  24. gabriella

    Muito Forte Bispo. Na Fé

  25. Carleide Lima - Sobradinho (Sede) - DF.

    Boa tarde, Bp! Fortíssima essa mensagem. Uma semente p/ dar frutos, ele tem que morrer: Morrer p/ esse mundo. Assim é a nova vida c/ DEUS.

  26. ingridy cristine*

    bispo isso é uma verdade, a pessoa pode ter feito tudo de mais errado nesse mundo, mais a partir do momento que a pessoa se entrega verdadeiramente a Deus, ela verdadeiramente o conhece a pessoa muda por completo...ela nasci de novo!!! tudo isso só depende de uma atitude... na fé

  27. Sérgio Marinho

    O novo nascimento, é a base da Igreja do Senhor Jesus! Sem ele, não existe Salvação e é por esse motivo, que temos de priorizar este propósito, nascer da Água e do Espírito. Caso contrário a pessoa até está na Igreja, pode ser um membro, obreiro, pastor, sabe fazer a Obra de Deus... mas não passa de uma criatura, de um religioso, que conhece a Bíblia, a Igreja, o Bispo, os livros etc, mas não conhece o mais importante, O SENHOR JESUS. Muitos estão a viver, o Sono da Morte! É verdade! Eu um dia também estive assim, mas acordei, pela mesericórdia de Deus, deixei de ser um religioso da IURD e despertei para o meu estado que me encontrava, perdido sem Salvação. O Senhor Jesus está voltando, vamos acordar, pois amanhã, pode ser muito tarde. Na Fé, com Jesus.

  28. Andressa Almeida

    Olá Bispo, muito fote este post, realmente quando nos tornamos uma nova criatura, e sepulatamos o velho homem, todos as nossas vontades carnais são postas de lado, E com o Encontro com Deus, deixamos de dar ouvidos ao nosso EU, ou seja aos nossos desejos, nossas vontades, e passamos a dar ouvidos a Voz de Deus, e a andar segundo os Seus Ensinamentos...

  29. Vanusa/Piracicaba-SP

    É verdade bispo.Não é fácil sepultarmos o nosso eu,a nossa vontade,mas quando os sepultamos mesmo sendo difícil,recebemos a garantia do Senhor Jesus que nunca vamos nos arrepender de termos tomado essa decisão.É como ELE diz:NEM OLHOS VIRAM,NEM OUVIDOS OUVIRAM,NEM JAMAIS PENETROU EM CORAÇÃO HUMANO O QUE DEUS TEM PREPARADO PARA AQUELES QUE O AMAM.(1CORÍNTIOS 2:9)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.