Mensagens

Isso é mesmo causado por uma força do mal?

15 de Maio 2015

Isso é mesmo causado por uma força do mal?

Vivem a pensar sobre o que os outros pensam de si… a tentar perceber se estão a planear o mal contra si… a afastar-se de quem acreditam que lhes quer mal… mas, será é mesmo real ou é tudo fruto da sua imaginação?

“Fulana está sempre a falar mal de mim pelas costas, eu sei… eu sinto que ela nunca gostou de mim… pelo sim pelo não, é melhor eu afastar-me dela…”

Seja por uma palavra dita, um simples olhar ou até mesmo um gesto insignificante, há pessoas que constroem verdadeiros filmes nas suas cabeças e acreditam que os mesmos são mais reais do que a própria realidade.

Elas ouvem vozes, que lhes dizem, vezes sem conta, que determinada pessoa não gosta delas ou que está a tramar alguma coisa para o seu mal… e, com o tempo, elas acabam por acreditar e por se isolar.

Se é este o seu caso, como se libertar?

1º COMBATA A BAIXA AUTOESTIMA

Ter a autoestima em baixa, é como se você estivesse a dialogar com o seu “eu” interior e um dissesse para o outro: “não vales nada… nunca irás conseguir… a tua fé é tão fraca para o teu objetivo… não tens força suficiente para lutar pelo teu filho… és feio, ninguém te vai querer… és gorda… és baixo… és demasiado alto… tens os pés tão feios”. Ter a autoestima baixa é como baixar a guarda diante do inimigo e permitir que o mesmo nos ataque, sem que ofereçamos resistência, sendo que ESTE INIMIGO SOMOS NÓS MESMOS! Uma pessoa com baixa autoestima nunca será equilibrada e verdadeira, especialmente com ela mesma, e estará sempre à espera da validação dos outros em relação a tudo o que ela faz ou pretende fazer!

2º ESTIMULE A SUA AUTOCONFIANÇA

Uma pessoa sem autoconfiança é fraca, tanto diante dos outros, como diante de Deus e, especialmente, perante o mal. Mesmo que a pessoa seja alvo de uma perseguição real ou seja condenada em praça pública, se ela tem a sua autoconfiança elevada, é forte o suficiente para sublevar as contrariedades e superar todos os obstáculos. Diante de todos, ela irá projetar uma imagem de fortaleza, de certeza, de capacidade e de valorização pessoal e quem se opunha a ela, irá retroceder, fosse um inimigo carnal ou espiritual.

3º NÃO DÊ ABERTURA AOS ESPÍRITOS MALIGNOS

A atuação dos espíritos malignos, na maior parte dos casos, não é clara e direta. A possessão, muitas vezes, não acontece de forma imediata e sim gradual. Eles tentam fechar o círculo ao redor da pessoa, fazendo-a perder oportunidades devido ao medo, levando-a à clausura e à solidão, motivada pelo isolamento. E assim, segundo a segundo, minuto a minuto, dia após dia, vão trabalhando na sua mente, oprimindo-a, angustiando-a, desequilibrando o seu interior, soprando inseguranças no seu ouvido que, se pessoa não procurar ajuda, acaba por cair num abismo do qual tão cedo não consegue sair…

Deus é contigo, e eu também!

Bjf

Anterior

15 maio

Seguinte

16 maio


19 comments
  1. Thaís Brandão

    Boa noite, Uma das coisas que também pode alimentar a baixa autoestima, os pensamentos inferiores e de incapacidade é a "fé" emotiva! Sabe aquela "fé" que quando todos vão ela vai, quando não vão ela também não vai, alguém diz: agora é a hora de vencer então ela avança mas vem uma dificuldade ela desiste, enfim muitos exemplos existem para demonstrarem a "fé" emotiva. Mas a verdade é que esse tipo de "fé" impede a pessoa de evoluir, porque ela tem fé em outras coisas e pessoas mas não tem nela mesmo, por isso é que não se acha capaz, por isso é que desiste, se entrega as suas fraquezas e dificuldades que encontra no caminho. Ela até crê na palavra de outros, em oportunidades que passam na vida dela, até mesmo na palavra de Deus, mas por não crer em si, não consegue avançar! É como um barco que coloca o seu motor a "todo vapor", em sua máxima potência mas não recolhe a ancora! Pode fazer a força que for que o barco não vai andar, é mais fácil estragar o motor do que ele andar e ainda que consiga se mover um pouco mais a frente encontrará rochas, lixos, (dificuldades, problemas, adversidades) coisas no fundo do mar que iram prender a ancora impedindo assim de o barco avançar. Então vigie sua fé para que não esteja ela apoiada em sentimentos se tornando numa fé emotiva, mas que esteja apoiada na razão, na revolta, na palavra de Deus, independente de sentimentos. Muito obrigada e fiquem todos na fé!

  2. Ana Belo

    Boa Tarde Sr. Bispo, Esta situação já foi uma realidade na minha vida Sr. Bispo, durante anos alimentava esse tipo de pensamentos, que me deixava sempre muito condicionada.... Mas quando percebi que a Fé tem que ser uma parte ativa até nesses conflitos internos, comecei a estudar métodos para ativar a minha Fé nesse sentido. Digamos que, de forma pratica comecei por: 1º. Mesmo sentindo um estado de fraqueza, comecei por falar com os pensamentos maus.... Contrariando eles em todos os seus argumentos forte que vinham a minha cabeça... Se eu sentia que eu era rejeitada (e muitos desses momentos eu era mesmo rejeitada, não era apenas ilusão) mas eu invertia esse pensamento.... 2º. Após alguns meses de exercitar essa inversão de pensamento, eu pude ver que eu estava agindo a Fé... a Fé de projectar algo que não existia.... E que no tempo determinado, eu comecei a notar diferença em mim, e aquilo que não fazia parte da minha realidade, passado alguns meses passou a fazer sentido. Obrigada,

  3. Gonçalo Roma - Cascais

    Boa noite Sr. Bispo. Auto-estima, é verdadeiramente algo muito importante e temos de considerar sempre, de facto se a nossa auto-estima esta lá em baixo, qualquer voz negativa vai-nos afectar, daí termos de buscar fazer a mesma crescer, indo principalmente contra os pensamentos/vozes que vêem de dentro de nós mesmos, assim estaremos zelando pelo nosso próprio bem-estar físico e espiritual, contudo mesmo uma vez a nossa auto-estima estando lá em cima, não quer dizer que o mal vai ficar de braços cruzados e não fazer nada, pelo contrário, ele vai trabalhar de maneira que nós não nos venhamos a aperceber para que com o passar do tempo nos venhamos a afundar cada vez mais e com isso chegar a uma situação tão difícil que irá ser praticamente impossível de superar, por isso temos de manter a nossa chama acesa, que é a FÉ, assim Deus poderá trabalhar em nós e nos guiar. Obrigado. Deus abençoe a todos.

  4. Myriam

    Olá Bispo Julio, Gostei muito deste Post e ao ler precorri em pensamento um passado, um passado em que passei em parte por isso.á medida que vi esses pensamentos relembrei tambem da Mudança..e se mudei foi por uma atitude minha que Aprendi convosco em cada reunião e em cada palestra direcionada para as mulheres. Agradeço a Deus o dia 6 de Dezembro de 2011 que cheguei até voces, onde me esperavam Mulheres e Homens de Deus e que me ajudaram nesse combate espiritual que é sempre constante . Que Deus lhe Abençoe e lhe dê sempre Sabedoria. Obrigada por não ter desistido do Plano que Deus tinha para si, pois ajudou-me! (assim como Todos os outros Pastores e Esposas)

  5. Filipe Silvestre - Cascais

    Boa tarde bispo. Uma pessoa com uma auto-confiança elevada é capaz de muita coisa, mas uma pessoa com uma auto-confiança grande e aliada com Deus é capaz de muito mais! Não podemos dar espaço para que o diabo trabalhe nas nossas mentes, mas temos de dar valor ao que de mais precioso temos, o Espírito Santo, e se Ele nos escolheu é porque somos importantes. Então a cada dia temos de alimentar a nossa fé, a certeza de que Deus é connosco e que vai dar certo!

  6. Ana

    Alguns momento eu vivo isso. Estou lutandocontra mas na verdade isso ainda existe e me consome. É um bombardeio de pensamentos.

  7. Fábio Medeiros - FJE Açores - Ilha de S.Miguel

    Boa noite sr.Bispo, Eu tinha alguns medos, porém ao aprender a usar Fé, estes mesmos medos, fugiram por 7 caminhos, e hoje sou livre, graças a DEUS.

  8. Rodrigo Nunes

    Boa noite Bispo. Nos não podemos ter uma baixa auto-estima, porque com isso vem aqueles pensamentos que tu és feio ninguém te quer, és gordo etc... Se formos ligar a isso nós vamos estar a ouvir a voz do Diabo, vamos começar a ser manipulados por ele através dos pensamentos, nós temos que ter uma auto-confiança elevada, porque assim iremos ter uma atitude melhor já não vamos ficar de "lado", nós iremos ser mais corajosos e fortes espiritualmente.

  9. Renildo Souza

    Ser forte e corajoso! Em outras palavras, não deixe ninguém te pisar, não tenha baixa autoestima, siga em frente, mesmo o mundo dizendo para você voltar, se veja grande, quando todos te olharem pequeno. Você não precisa da opinião dos outros para ser feliz e realizar seus sonhos e conquistar seus objetivos, tuque eu, você precisa é da ajuda de Deus e pronto.

  10. Vagner Knabach

    Boa tarde Bispo Tudo que os espíritos malignos precisam é dominar a " mente" e como foi abordado é dia após dia até desiquilibrar totalmente e acaba caindo num abismo sem fim. É fundamental manter suas mente nas promessas de Deus pois elas darão a autoestima e autoconfiança necessária para vencer qualquer obstáculo ou situação que aos olhos humanos seja impossível. Grato por toda orientação diária pois tem sido libertador e motivador.

  11. Lizandra

    Arrebentou!!!!

  12. Evanilde Vanessa Ramos-Cabo verde Sal

    Com certeza Sr.Bispo temos que acreditar em nós mesmo com toda a força e nunca deixar se abalar por nada e sim viver e olhar Pra aquele que a todo momento nos fortalece e sempre nos diz Voce Pode, e acreditar no nosso valor pois cada um é especial aos olhos de Deus.

  13. lucia

    Não podemos dar ouvido o mal.

  14. Pedro Henrique - Benedita

    Olá a todos. Eu creio que quando o sujeito é da fé, ele não tem essa preocupação. Até por que, ele sabe que, o que vem de baixo, (inferno) não atinge. Ele também sabe, que deve se preocupar com o que Deus pensa dele, e não os outros.

  15. Clayton Silva

    Boa tarde bispo Júlio e a todos. Aprendemos com Cristo; "Não Jugueis para que não sejais julgados". O que importa é agradarmos sobre tudo a Cristo e fazemos sua vontade, cada um pensa de uma forma e cada um tem a sua opinião definida em sua própria mente. Não importa o que pensam ou acham de nós, o que vale realmente é o que somos pois cada um é cada um, nem todos nós somos iguais jamais, são como os gostos cada um sem o seu. Uma excelente orientação para os que estão a viver desta forma. Fico agradecido. Atenciosamente.

  16. Antonio Carlos

    Bom dia bispo,eu me encontrava nessa condição de auto estima baixa,me isolava, os adversários espiritual, ou carnal ,quase me venceram, hoje estou lutando,Deus tem me dado a direção, pois descobri a raiz desse mal ,que me fez ser uma pessoa muito isolada, graças a Deus bispo estou dando a volta por cima.

  17. Verdade Bispo a pessoa com autoestima em baixa,faz mal pra ela mesma,a pessoa è dificil sorrir,fica antipatica,paresse que demanha cedo chupou limao,e coloca culpa no seu prossimo da sua cara feia , invez ela è inimiga do espelho ,porque esta sempre se sentindo a vitima...è bom se olhar no espelho pra melhorar valorizarse ,è como se tivessemo uma folha em branco ,e nessa folha tem um pontinho piquininho preto ,ex defeitos porque nao somos perfeito,porem a pessoa com o autoestima em baixa ve solmente ,aquele potinho insignificanti que niguem nota ,mais ela sim..claro muitas coisa em noz podemos melhorar pra saude ,caminhar ,alimentaçao sudavel,a decizao è sempre nossa di ser melhor .,falar com o nosso eu ,que as vezes è muito superficial ,como possiamo ser limpo dentro e bonito/a ,fora .. ter bons olhos pra mim e com meu prossimo..a comunhao com Deus è importantissimo è luz que faz brilhar e ti faz sorrir naturalmente porque ELE è UNICO,que nos ajuda a ter autoconfiança!!!

  18. Clenilda Salomão

    Bom dia Bispo Em outras palavras viver sentindo, viver pelo sentimento isso é viver escravo dos mesmos,assim vivi muitos anos ,e sei que tem muitas pessoas na mesma situação, pois bem bem ai esta a diferença do trabalho da Universal , enquanto o mundo quer aprisionar aqui tenho encontrado mensagens que me leva a ser LIVRE obrigada pelos concelhos práticos e inteligentes que o ES continue usando o Bispo e assim livrar, libertar assim como fez e tem feito comigo e meinha familia todos os dias. Clenilda Salomão _ Rio de Mouro

  19. Alexandre Nascimento

    Bom dia Bispo . Entendi que há pessoas que faz mal a sí mesma quando nutrem pensamentos negativos de que as pessoas estão a julga-la incapaz , e vejo porém que é a própria pessoa que na verdade está a se julgar incapaz , pois se ela crê primeiro , no poder transformador do Criador e segundo , crê no potencial que ela poderá ser , ela se tornará uma pessoa forte e realizada ! Meus cumprimentos .

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.