Mensagens

Dureza de Coração

6 de Agosto 2011

Dureza de Coração

[audio:/06082011.mp3]

Assentado sobre o tronco seco de uma árvore, o velho pescador meditava sobre o seu futuro. Sabia que lhe restava pouco tempo de vida, e todos os esforços para conduzir o seu único filho por aqueles que lhe pareciam ser os caminhos corretos tinham sido em vão, pois o interesse dele estava na procura dos prazeres do mundo.

Vendo o tempo passar e, dia após dia, a situação persistir, certa noite o velho pescador pediu aos céus que lhe fosse indicado o que fazer.

Aconteceu então que, ao clarear o dia, o seu filho pediu para ir pescar com ele. O que, insistentemente, o velho pescador durante anos procurara parecia agora acontecer como por milagre. Cheio de contentamento, preparou o barco e saiu com o filho, rumo às águas mais profundas.

Entretanto, uma repentina tempestade sobreveio, e ventos muito fortes levaram o barco para regiões desconhecidas. Quando ela cessou, encontraram-se em águas claras e transparentes e o barco aproximava-se de uma ilha de areias muito brancas.

Tomado de gratidão por estarem a salvo, o pescador saltou e, em terra firme, de joelhos sobre aquelas finas areias, pediu aos céus que os mandassem de volta à sua casa, pois – no seu entender – lá teriam ainda coisas a cuidar.

Terminada a prece, voltou os olhos para o filho, que permanecera no barco; mas tanto o jovem quanto o barco haviam sido levados pela maré.

Cheio de desânimo, o pescador pôs-se a chorar, sem compreender a razão de tudo aquilo. Surgiu então à sua frente um grande pássaro que, transformando-se num anjo, lhe disse:

– Não podeis com a vossa vontade e o vosso desejo traçar os caminhos de outro. Cada um, a um mundo pertence. Os passos dados confirmam a meta, as escolhas e as trilhas a serem percorridas. O vosso filho seguiu para as terras que lhe correspondiam, e vós fostes colocado naquela que vos corresponde. Aqui tereis frutos para saciar a vossa fome e encontrareis aqueles que, convosco, trilharão a mesma senda.

“Mas não ouviram, nem inclinaram os seus ouvidos, mas andaram nos seus próprios conselhos, no propósito do seu coração malvado; e andaram para trás, e não para diante.” (Jeremias 7.24)

Espero ter colaborado em algo, Bjf


5 comments
  1. Jardene Cândido

    Muito forte essa mensagem, quando nos somos sinceros pra Deus e humildes, em tudo ele nos abençoara.

  2. Andreia Sofia

    Boa noite Bispo julio Freitas. Entrei na IURD a cerca de 8 meses e ainda ninguem da minha familia esta na mesma fe que eu. pos minha mae(que me quer ver fora da iurd) a ouvir a mensagem e ela gostou e identificou esse problema na nossa familia.tenho a Certeza que as mensagem postadas por aqui ão de ajudar na converçao da minha familia. Deus obrigada pela oportunidade e continue a usar o teu fiel servo abundantemente. Andreia Sofia Amadora

  3. Thamires Kristine Santos

    Bispo, quantas não foram as vezes que lutei coma minhas próprias forças para conseguir uma pessoa que na verdade não gostava mais de mim. E quanto mais orava, mais ele me maltratava e se distanciava. Até que um dia Deus falou muito forte comigo. Posso até atender o seu pedido por causa da sua fé, mas cedo ou tarde você vai sofrer. E foi quando parei e pensei do que me adianta ter a pessoa que gosto durante um tempo e depois perdê-la de vez e sofrer muito mais. Depois desse dia, passei a orar qpara que a vontade de Deus seja feita e que se for ele a pessoa certa amém e se não for amém também. Hoje, o sentimento de tinha parece ter desaparecido. MAs descobri que A vontade de Deus sempre vai prevalecer cedo ou tarde, basta nós escolheremos que vamos sofrer antes ou depois bem mais. Sofrimentoq ue vale a pena, pois Deus nos recompensa sobremaneira por fazer a vontade D'Ele. Na fé dos 21 dias. Thamires Santos

  4. Fatima e Paulo Marques(Portugal-Cenaculo Espirito Santo Lisboa)

    O que plantamos colhemos,é boa verdade! DEUS nos ABENÇÕE a todos.

  5. Alex Cardoso

    Muito forte essa mensagem.........

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.