Mensagens

Dispa-se do orgulho e egoísmo

4 de Abril 2012

Dispa-se do orgulho e egoísmo

“E obrigaram a Simão Cireneu, que passava, vindo do campo, pai de Alexandre e de Rufo, a carregar-lhe a cruz” (Marcos 15.21).

Muitos podem perguntar o que é que este assunto tem a ver com as suas vidas e eu responderei que tudo.
Pois, a primeira coisa que chama a atenção é que este Simão Cireneu era grego e não pertencia ao povo judeu, significando que as suas tradições, cultura e fé eram completamente diferentes da do povo judeu.

No entanto, ele morava ali, tinha bens em Jerusalém, era um pai de família, tinha a sua fé, religião e projetos e entrava na cidade, justamente no momento em que Jesus saía. Ele estava a caminho da cidade para fazer negócios e na sua direção ia uma multidão acompanhada por Jesus, que estava a ser obrigado a carregar uma cruz.

Simão não queria carregar a cruz, tal como todas as outras pessoas que não davam importância a Jesus e ao Seu sofrimento, que se dirigia ao Monte Calvário. No entanto, se fosse proposto a algum dos discípulos carregar a cruz, estes aceitariam porque já tinham decidido negar-se a si mesmos.

E você quantas vezes é rodeado de circunstâncias que o/a tentam impedir de levar a cruz ou que o/a tentam convencer de que a cruz não é para si, que não tem que fazer a sua parte, perdoar, orar, evangelizar, jejuar… mas, a verdade é que tem que fazer tudo isso, já se os outros o fazem ou não não é problema seu!

É da sua responsabilidade negar a sua carne e carregar a sua cruz, caso contrário não será de Jesus. E quem tem que carregar a sua cruz e negar a si mesmo é você, sendo o único que pode saciar a sua sede. Isto são tudo coisas que ninguém poderá fazer por si, porque a salvação é individual.

[floatquote]“E levaram Jesus para o Gólgota, que quer dizer lugar da Caveira” (Marcos 15.22),[/floatquote]
um lugar onde não há beleza, prazer e satisfação, mas onde haverá salvação. E você não tem que fazer o que sente ou acha, mas o que está escrito, porque fazendo-o será abençoado/a, perdoado\a e salvo/a.

[floatquote]“Deram-lhe a beber vinho com mirra; ele, porém, não tomou” (Marcos 15.23). [/floatquote] A mirra misturada com o vinho é como um analgésico e Ele sabia que se o tomasse aliviaria a sua dor, por isso, não aceitou. E quem assume a sua fé em Deus sabe o preço que tem que pagar, que é o do sacrifício.

Então, cabe-lhe a si recusar a mirra misturada com o vinho, que representa os prazeres da vida, que tentam seduzi-lo/a e trazer satisfação, quando, na verdade, só trazem vergonha e humilhação. Quantas pessoas, por causa de um momento de prazer, comprometeram algo na vida e a sua salvação, sentindo-se hoje humilhadas, ultrajadas, envergonhadas… portanto, cabe-lhe a si decidir se vai ceder ou não. Jesus não cedeu e decidiu sentir toda a dor, porque estava a fazer a vontade do Seu Pai, Deus.

continua…

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!


23 comments
  1. Armando

    A mensagem é forte Bispo, hojé aprendi com esta mensagem, pois o orgulho cega e é o caminho mais curto para morte.

  2. Priscila

    Olá, A cruz ela é pesada,porem o Senhor Jesus mesmo disse que quiser segui-lo tem que pegar sua cruz e ir, no caminho iremos encontrar pessoas ou coisas que tentaram cortar um pedacinho da nossa cruz para ''aliviar'' oferecendo de tudo para nos dar ''conforto'' porem são esses pedacinhos que cortaram da nossa cruz que nos faram perder a salvação. Deus Abençoe.

  3. Brenda Yanina Cejas

    Muy interesante. pude pensar en reafirmar hacer la voluntad de Dios,hacer las cosas para Dios sin esperar que otro las haga y no darle el gusto a la carne de buscar mi propia satisfacción.

  4. Bárbara Neto - Rio Tinto

    Bispo, Eu já fui vítima da religiosidade e como religiosa, mesmo estando dentro do Centro de Ajuda, não estava pronta para sacrificar. A saída da zona de conforto nunca foi, é nem será fácil, mas é algo necessário... A tendência do ser humano é sempre voltar para ela, e seria hipócrita se falasse que estou sempre automaticamente activa e pronta para o sacrifício, mas como o senhor falou e bem verdade é pois tenho vivido isso, é algo racional, é uma necessidade, é algo que sei que preciso de fazer para conquistar a vida eterna e manter minha comunhão com DEUS! Por isso a importância de sair da zona de conforto e viver inovando com consciência de que tem que haver sacrifício. DEUS abençoe grandiosamente!

  5. Isabel Tavares - SEM Gaia

    O vinho com a mirra é sempre a escolha mais fácil, ou seja é sempre o que o 'nosso eu' quer fazer, mas para quem quer agradá-LO tem que viver em pleno sacirficio. Quantas vezes DEUS pediu-me uma coisa e eu fiz outra só para não sentir a verdadeira dor, hoje sei que não é pelo caminho mais fácil que atinjo os meus objectivos mas sim pelo sacrificio!

  6. Bellyze Farias

    Bom dia , Bispo O diabo faz isso anestesia...mas o efeito da anestesia é rápido e passageiro...e o resultado e a morte! Aprendi que para que nossa vida esteja 100% no altar temos que esmurrar a nossa carne como o apóstolo Paulo fala. Na fé, Bellyze Farias.

  7. Rui (Lisboa)

    Quantas pessoas usam o alcool como mirra, ou seja, como escape aos problemas. E no fundo do que escapam elas? De nada! Existe quem diga que bebe para esquecer, mas os problemas esquecidos, não são de forma alguma problemas resolvidos! Refugiar-se em algo apenas para esquecer ou para tirar a cabeça do assunto, não resolve. O que resolve é erguer a cabeça e renunciar a pensamentos como o de que não há volta a dar, de que não vale a pena tanto esforço, enfim palavras de quem já nem em si mesmo acredita, quanto mais, o sacrifício que Cristo fez na cruz. É tempo de tomar as rédeas das nossas vidas. Chega de aceitar o que não lhe foi dado por Cristo no Calvário. O que recebeu dele foi única e exclusivamente a vitória!

  8. Rui (Lisboa)

    Ás vezes é mais fácil para certas pessoas viver anestesiado, uma vez que acham que por já terem levado tanta pancada da vida, o acertado é deixarem-se estar no chão a apanhar. A cruz significa vitória sobre o sofrimento, mas isso implica empenho, levantar os punhos, atacar o que nos ataca! E quando muitos dizem ser anti-violência, isso apenas realça o facto de que se esquecem que são elas que desistem, ao passo que os problemas continuam a ir ao seu encontro e a destruir as suas vidas. A cruz nem sempre é um fardo e sim um exercício da fé! Se a carregamos estamos claramente a dizer: O esforço que faço agora, conduz-me a Deus e á consequente vitória sobre tudo...

  9. Iracelma Espírito Santo - Império

    Bom dia, É muito importante esta mensagem.Temos que carregar a NOSSA cruz (sacrificar) independentemente, se os ourtos fazem ou não não é da nossa conta. No entanto essa é uma das maiores dificuldades hoje em dia - fazer independente dos outros- é muito mais facil olhar para o amigo do nosso lado e ver se ele vai ou não. A nossa fé tem que ser individual, temos que pensar por nós mesmos. Pois só assim trará resultados.

  10. Jaciane França São Luis

    Bispo é melhor sacrificar tomar a cruz e seguir de cabeça erguida, tendo certeza que Deus é fiel e jamais deixara aquele que é dele sozinho,e não beber o vinho com a mirra não vale apena fazer parte desse mundo,para alcançar a salvação teremos que passar pela porta estreita e não pela porta larga a porta estreita é de sacrifício e vale muito a pena eu estou nessa fé, do sacrifício.

  11. sergio vieira- CdaE-Carnaxide

    De facto Bispo, cada um tem que carregar a sua cruz própria cruz, Simão teve de levar também ou seja naquele momento FAZER A SUA PARTE!, pergunto eu, não poderia Jesus levar a cruz até ao monte calvário sem que Simão tivesse que ajudá-lO ou até mesmo? não poderia Deus dar forças para Jesus para que chegasse ao destino(monte calvário), sem ajuda de Simão? eu creio que Deus permitiu que Simão levasse a cruz para mostrar para todo o mundo que devemos cada um de nós levar a sua Cruz. Simão representa os homens(mulheres). Quem deseja a salvação, terá de sacrificar ou seja negar-se a si mesmo(a)!, dia após dia... forte abraço

  12. sónia rocha- SEM

    Olá Bispo eu tive 2 anos na igreja tomando a mirra misturado com vinho, porque nao queria sentir a dor de largar as amizades, namorado, os vicios... Mas que até um dia vi que nao tinha mais saida ou era tudo ou nada, me entregar a Jesus larguei tudo completamente tudo que entristecia a Deus.. Hoje sou uma pessoa completamente mudada, e só me arrependo foi de nao ter entregado mais cedo pois Deus tem muito mais para nos dar do que nós a Ele.... Na fé Bispo

  13. Eduardo Bravo- França

    Ola Bp Julio... Os que louvaram Jésus, e o receberam com gloria no domingo de ramos foram os mesmos que gritaram "crucifica- o". Assim é aqueles que tem a fé emotiva, mudam de opinião e atitude de acordo com a s circunstancias, porém os nascidos de Deus são perseverantes, carregam sua cruz, não desanimam, e são fiéis até o fim. Um forte abraço

  14. loura

    E VERDADE COMO E DIFÍCIL TOMAR A NOSSA CRUZ O TEMPO TODO,MAIS SE ASSIM O QUEREMOS, TEMOS QUE SEGUIR EM FRENTE COM TODAS AS LUTAS E DIFICULDADES PEDINDO FORÇA A DEUS E SUPORTANDO POIS ELE NOSSO GUIA E SUPORTANDO AS CONSEQÜÊNCIAS DE NOSSOS ATOS,SEJAM BONS OU RUINS DIANTE DE DEUS SEM REECOA DIANTE DE DEUS. PROCURANDO LEMBRA O QUE O SENHOR JESUS FEZ NA CRUZ POR NÓS.

  15. Sheila Trento

    Nós que servimos a Deus temos que deixa de olhar para traz e segui só o Senhor. E não deixa as dificuldades e lutas nós distanciar de Deus.Por Deus e o unico que pode nós ajudar nesse mundo tão tenebroso.

  16. Cassia

    Bispo essa mensagem é muito forte e a mais pura verdade do que acontece na maioria das vezes, muitos dentro da igreja ja carregaram uma cruz e hoje nao carregam mais pelo fato de nao querer sentir a dor, nao é facil, mais quando depois de carregada receberemos uma recompensa inextimavel. Muitos opinam por uma vida de facilidades prazeres a carnequerem se sentir confortaveis enquanto sua alma esta correndo o risco de sofrer eternamente.Entao é melhor nos pagarmos o preço agora e sairmos vitoriosos do que viver uma vida de facilidades neste mundo e depois sofrer eternamente. Deus abençoe o Sr. sempre.

  17. patricia sucar

    Bispo que o Senhor Jesus lhe abençoe.Eu sempre encontro aqui uma palavra que realmente faz diferença em minha vida.Medito nelas e procuro coloca-las em pratica, principalmente em momentos dificeis. Que o Espirito Santo continue lhe inspirando a nos ajudar.

  18. Aline gomes

    O Senhor Jesus não sedeu ao que estava sentindo,somente fez por mim. Agora eu tenho que fazer por Ele!!! Se sedemos aos nossos prazeres perdemos a Salvação! Por mais que tudo diga não,sabemos o que devemos fazer!!!

  19. ana raquel

    bom dia bp Julio Freitas! Creio que tomar a nossa cruz, seja tomar uma decisao deixar de lado o que nos faz mal e sguir em frente conciente que O SENHOR JESUS é o nosso guia,fazer o que tem de ser feito,ser fiel ate o fim ao nosso unico e salvador. um forte abraço!

  20. VIOLETA FRAGA

    MUITO FORTE !AGRADEÇO PELAS SABIAS PALAVRAS , POIS TEM MIM AJUDADO MUITO ! Deus abençoe !

  21. Áurea Miranda

    Bom dia Bispo, essa mensagem me ajudou imenso, muito obrigada. não basta sofrer pouco, Deus vê tudo, se quisermos ser salvos temos de sofrer tudo.. Pois só assim o Digno nos dará a libertação e a salvação

  22. Ana Rute Cenaculo do Porto

    Ola sr bispo, obrigado por esta palavra, e todas as outras... porem esta me ajudou muito! Deus vos abençoe!

  23. Inês Duran - SEM

    Bispo eu sempre aceitei a mirra misturada com o vinho, até porque era mais fácil. Eu cresci na igreja, não conhecia o mundo, então quando tive oportunidade logo fui conhecer. Arrependo-me muito por me ter desviado do caminho de Deus, mas quando caí em mim, logo tomei minha cruz sem nenhum analgésico, decidi de verdade me entregar. Hoje sou totalmente mudada, mas só porque tomei essa decisão, de O servir sem olhar pra tras nem pros prazeres desse mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.