Mensagens

Deus não quer a “oferta” e sim quem a oferece

26 de Julho 2016

Deus não quer a “oferta” e sim quem a oferece

Muitos concentram-se na pessoa de Isaque na passagem em que Deus o pede em Sacrifício a seu pai, porém, esquecem-se que, na verdade, Deus não queria, nem estava provando a Isaque e sim a Abraão!

Tanto é que, quando o ia sacrificar, provando assim que não se negava a fazê-lo, Deus disse: “agora sim, Abraão, eu sei que tu Me temes!”.

Por isso, observe que quando Deus nos pede algo, Ele, na verdade, não nos está a pedir aquele “algo” (como um bem ou objeto) e sim a nós mesmos, aos Sacrificantes. Agora, quando Deus pede o Sacrifício, o verdadeiro objetivo é de que fiquemos livres para servi-Lo mais e melhor! É para que Lhe demonstremos a Quem ou a quê estamos apegados ou valorizamos mais. Sim, Ele já o sabe, porém nós teremos que o demonstrar a nós mesmos e aos espíritos malignos que estão ao nosso derredor, a quem servimos intregalmente.

Deus não precisa de nada, somos nós que precisamos de Tudo o que Ele nos Promete, mas, para alcançarmos, temos em primeiro lugar que provar para nós mesmos.

Antigo:

”O homem fiel será cumulado de bênçãos, mas o que se apressa a enriquecer não passará sem castigo.” (Pv 28.20)

Novo:

“Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes d’Aquele que vos chamou das trevas para a Sua Maravilhosa Luz;” (1 Pe 2.9)

Deus é contigo, e eu também!
Bjf


3 comments
  1. Caio Reis

    Bom dia, o limite da fé é colocado pela própria pessoa, Abraão tinha fé de que Deus poderia ressuscitar o seu filho, mas se ele naquele momento pensasse e levasse a sua fé para o coração ele não seria aprovado e tao pouco seria abençoado como foi, mas porque não se limitou na sua fé foi aprovado e abençoado por Deus.

  2. Clayton Silva

    Olá bispo Júlio um abençoado e bom dia. Realmente sacrificar para Deus, na verdade estamos a provar a nós mesmo, se somos capazes de nos desapegarmos do que temos e mostramos sim o quanto na verdade somos capazes de obedecer a Deus, abrindo mão do que está em nossas mãos afim de recebermos o que está nas mãos de Deus. Fico agradecido. Saudações.

  3. gilson

    Gloria ha Deus, as 7;00 pude ler este post e me alimentar desta mensagem inspirada por Deus e me fortalecer compreendendo todas as provas que tenho passado sei que estou vencendo mesmo que meus olhos não vejam.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.