Mensagens

De olhos postos em si!

30 de Novembro 2013

De olhos postos em si!

“Quanto maiores forem os seus objetivos, mais exigirão que você explore os seus potenciais, que não apenas farão de si um vencedor, mas também ajudarão outros a tornarem-se vencedores.”

Exige um investimento, um compromisso sem precedentes, em que, literalmente, temos que nos colocar ao nível do objetivo que pretendemos conquistar. “Mas, e como saber o nível de empenho que deverei apresentar?”

Na verdade, esta é a questão com que muitos se debatem, têm medo de investir muito e colher pouco ou de investir pouco e o mesmo investimento vir a revelar-se insuficiente. Mas, de onde vem este medo? De fracassos passados ou de terem visto outros falhar em situações semelhantes à sua.

Porém, a questão é mesmo esta, não basta investir, apenas para dizer que está a tentar, terá que haver da sua parte um “plano real de ataque” à realização dos seus objetivos.
E o que implica este plano? Um estudo minucioso do que você tem para oferecer; as suas qualidades; defeitos; até onde está disposto a ir e o acreditar no seu potencial. E, se você, de facto, se empenhar a este nível, não haverá tempo ou disposição para se intimidar com fracassos passados ou de terceiros, pelo contrário, você não só atingirá os seus objetivos, como o resto do mundo ESTARÁ DE OLHOS POSTOS EM SI!

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!
Bjf


4 comments
  1. João Marques (Portugal)

    Muito verdadeiro este estudo. Para cada tipo de objetivo há um nivel de empenho e há um caminho adequado. Quando a pessoa pára um pouco para pensar acerca do seu objetivo, a pessoa vai descobrir o caminho certo para o atingir.

  2. Boa noite Claudio, Eu pertenço ao 3º Grupo, ao Grupo dos sacrificam e conquistam. Obrigado pelo seu comentário, acrescentou na minha vida. Vai enfrente e combata o bom combate da fé-inteligente, ate o fim! Deus é contigo, e eu também! Do seu fiel escudeiro, Bjf 

  3. Existem três tipos de pessoas, estas são divididas em três grupos, e estes são: 1º Os que não tem um objetivo, são consideradas, como as "INDEFINIDAS", não sabem se vão, ou se ficam, se conformam com qualquer coisa, se acontecer, aconteceu, caso contrário, se mostra indiferente a sua mesma situação, são acomodadas, conformistas, etc... Estas pessoas estão fadadas a viverem na dependência dos outros, já que aceitam viver de qualquer maneira, comendo do resto dos outros, se tornando assim objeto de pena para os demais, viverem encima do muro da indefinição. 2º - O segundo grupo são aqueles, que até tem um objetivo definido, porem não estão dispostos a pagarem o preço pela realização do mesmo; investem as suas forças para descobrir a origem dos problemas, porém não movem um dedo sequer, para obter a resolução dos mesmos, se escondem por detrás de suas justificativas, sem fundamento algum, tentando justificar a sua falta de atitude, ficam a espera que os demais façam o que está no seu poder de fazer, reclamam de tudo, porém não fazem nada para mudar a situação, essas pessoas, olham para as conquistas dos outros e desejam ter os mesmos resultados, porém fazem vista grossa para o que foi feito para que tais conquistas fossem alcançadas, estas estão fadadas a serem murmuradores, invejosos, caluniadores, amargurados da vida, pois sua falta de atitudes, os condenam a eterna frustração. 3º - Estes são aqueles que olham para os seus objetivos, e investem todas as suas forças, para obter os mesmos, não poupam esforços, atuam, obedecem, sacrificam, pois sabem, que o que fazem, nunca será superior aos resultados que almejam alcançar. Estes não ficam a espera de outros, não se desanimam, não desistem do seu ideal, se mantém sempre firmes, pois sabem que desistir é a normalidade dos fracos... Estes como Josué, vêem os seus adversários como pão comido, os autos muros, como se fosse um simples tijolo, o seu tudo como nada, diante da recompensa. Estes não vivem encima do muro da indefinição, já que foi a primeira muralha a ser derrubada ao assumir a sua fé, não buscam se justificar, pois sabem que suas vidas, é nada mas nem nada a menos, que o fruto de suas decisões. A que grupo você pertence?

  4. Fábio Medeiros- FJE Açores

    "E, a qualquer que muito for dado, muito se lhe pedirá, e ao que muito se lhe confiou, muito mais se lhe pedirá." Lucas 12:48 (ACF)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.