Mensagens

Consequências da decisão

5 de Dezembro 2014

Consequências da decisão

O mundo gira em torno de decisões… a vida a mesma coisa. A massa humana vive das decisões tomadas por si mesma ou por terceiros…

Os políticos tomam decisões e o povo acata as mesmas…

As instituições tributárias aumentam os impostos disto e daquilo, e o povo obedece, pagando…

As instituições judiciais alteram as leis ou criam novas, e, mais uma vez, o povo aceita tais decisões…

Qual o resultado disto? Opressão, injustiça, pobreza, etc…

O médico toma a decisão de operar ou medicar um doente e o mesmo toma a decisão de se tratar. Umas vezes resolve, outras compromete a vida da pessoa.

Qual o resultado? Pessoas dependentes dos medicamentos, outras com sequelas para o resto da vida, outras ainda se apagam (falecem), por causa de erros médicos… porém, decisões foram tomadas.

A justiça feita pelos magistrados é realizada em cima de vereditos (decisões) “culpado” ou “absolvido”, a injustiça prolifera… e, mais uma vez, o povo aceita.

As empresas tomam decisões e os trabalhadores acatam, sendo-lhes negado, muitas vezes, o direito de progresso laboral e financeiro, mas os mesmos aceitam…

O sistema bancário decide cobrar selo de imposto disto e daquilo e o povo paga pelas decisões dos outros.

O comércio decide aumentar o preço dos bens essenciais e o povo aceita, pagando…

Decisões e mais decisões são tomadas e são aceites, ainda que se diga “não concordo”, mas lá se vão adaptando à dura realidade de uma vida onde os sonhos de ontem são frustrados, e os de hoje e de amanhã morrem sufocados.

Tudo por falta de uma coisa apenas: DECISÃO!

A vida é feita em cima de decisões e, conscientes ou não, elas são tomadas a todo o instante…

Se cada um usar o poder da decisão e decidir fazer o certo, tenho a certeza que este quadro será diferente.

O povo de Israel estava a viver uma situação lastimável, porque não decidiu fazer o certo no Altar do Deus-Vivo. Foi, então, que o povo deu o poder de decisão a terceiros, neste caso, ao rei e sua mulher, que viviam corrompidos.

Opressão, fome, desespero, angústia, miséria e por aí fora, eram a companhia diária de um povo escolhido, porém, que não se escolhera a si mesmo para Deus, servindo-O.

Nos nossos dias acontece o mesmo e pelas mesmas razões.

Existem os escolhidos, mas nem todos são decididos.

E o poder da decisão é tão forte, que quem dele se faz valer predispõe-se a fazer o que necessário for (sacrifício) para colocar a sua vida de acordo com o Plano de Deus.

Ao dar ouvidos à voz de um homem decidido, o povo achou boa a sua palavra.

[floatquote]Então invocai o nome do vosso deus, e eu invocarei o Nome do Senhor; e há-de ser que o deus que responder por meio de fogo esse é que é Deus. E todo o povo respondeu e disse: É boa esta palavra.” (1 Reis 18-24)[/floatquote]

Após não existir resposta da parte dos profetas de baal, Elias, decidido, chama mais uma vez o povo para junto de si…

[floatquote]Então, Elias disse a todo o povo: Chegai-vos a mim. E todo o povo se chegou a ele; Elias restaurou o Altar do SENHOR, que estava em ruínas.” (1 Reis 18.30)[/floatquote]

É isto que Deus espera de cada um de nós, que acheguemos o povo ao Altar e que o mesmo seja restaurado por cada pessoa, para que desça o Fogo da Resposta, que purificará a vida das pessoas de todas as calamidades atuais…

O povo UNIVERSAL não pode viver na indecisão, não pode viver dividido!

As pessoas têm que tomar a responsabilidade de restaurar o Altar do DEUS-VIVO, caso contrário, viverão na decisão dos outros, que nunca os irão favorecer.

O nosso povo tem o poder para decidir, tão somente temos que o despertar, como fez Elias, no seu tempo…

É inaceitável pastorear um povo que depende das decisões de terceiros …

É revoltante.

Sejamos fortes, sejamos decididos, e o povo nos seguirá.

Pr. Manuel Teixeira – Portugal

Anterior

05 dezembro

Seguinte

06 dezembro


10 comments
  1. Luisa - Tomar

    Eu tenho o privilégio de fazer parte da Universal, só aqui eu aprendi a usar esse espirito de decisão, foi aqui que aprendi a dizer não para a dúvida e sim para a minha fé. É preciso vigiar sempre porque o diabo sempre vem tentar lançar suas sementes no nosso caminho, mas a decisão quem toma sou eu e eu escolho a fé, o altar, eu decido em ir em frente e agradar a Deus.

  2. Julia David - FJL Povoa Sto Adrião

    Muito boa tarde Sr. Bispo e Pr. Manuel! O reflexo da minha vida hoje é o resultado da decisão que eu tomei ontem,se eu decido hoje Sacrificar o meu Perfeito Sacrificio no Altar do Deus Vivo, a minha resposta é baseada no resultado do meu Sacrificio. Se eu tomei a decisão de carregar a minha Cruz e seguir os Passos do SENHOR JESUS, tenho a plena certeza que as Suas Promessas se realizarão e a manifestação do Seu Poder me seguirão sempre que eu decidir fazer a minha parte que é de viver no Sacrifio para ter sempre a chama do Deus Vivo na minha vida. Por isso, todo poder de decisão depende de nós mesmo seja ela boa ou má, é a decisão que eu tomei hoje para que eu obtenha o desejado resultado. Eu não escolhi o lugar do meu nascimente mas hoje eu tomei a decisão onde viver Eternamente. Que Deus o abençoe o Seu Ministerio!

  3. Brigida Sacramento

    Brigida Sacramento-FJ-Póvoa Santo Adriã 5 de Dezembro de 20147/2014 Boa noite BP Júlio,é verdade em tudo temos que tomar uma decisão, mas temos que usar a cabeça para fazer o certo, para termos um bom retorno,seja agora, amanhã ou para o futuro. Obrigado BP pela mensagem, que Deus continue lhe usando.

  4. Emanuel - FJE- póvoa de santo adrião

    Boa noite bispo Julio, concordo plenamente tudo na nossa vida depende da decisão e tem decisões que mudam tudo de uma vez por todas que foi o que Elias fez, DECISÃO CERTA NO LUGAR CERTO por isso veio a resposta, quem quer essa resposta tem que também tomar essa decisão.

  5. lurdes/salgueiro /Faial Açores

    eu tomei a decisao de ir para o altar do Deus vivo assim como Elias estou a restaurar o meu altar e tenho a certeza que Deus fará cair fogo e se fará justiça quero dar um basta na minha vida tou revoltada tou cansada

  6. Fábio Medeiros- FJE Açores(S.Miguel)

    "Hoje estou deixando que vocês escolham entre o bem e o mal, entre a vida e a morte." Deuteronômio 30.15 (NTLH) Temos o poder de decidir, e se o fizermos segundo a Palavra de DEUS seremos felizes, do contrário, seremos infelizes.

  7. Amauri Cavalcanti

    E inaceitável acatar as leis dos homens e não aceitar as leis de Deus, e revoltante pagar o preço de impostos altíssimos e não querer cumprir com o voto de sacrifício voluntário no altar do Deus vivo, Acabe estava fazendo isso ao povo, e Elias fez o desafio no Monte Carmelo, a decisão agora é do povo, de cada um de nós, e você já está decidido ? Eu já estou decido e já estou subindo o meu Monte Carmelo, porque muito, mais muitos mais tem Deus pra me dar do que o homem.

  8. Rosangela de Melo Sa

    Gostaria de receber pesquisas sobre o evangelho e tudo que diz respeito a Deus Sempre

    • Fernando Branco/FJE Póvoa Sto Adrião

      É bem verdade que cada decisão tomada ela constrói o perfil da vida dessa pessoa;se elas for boas claro que coisas positivas acontecerão na vida dela,mas,se pelo contrário houverem atitudes precipitadas,uma avalanche negativa sobrevirá sobre a vida daquele que assim o fez.E a Fogueira Santa do Monte Carmelo é mais uma oportunidade para se decidir quem quer entrar no Barco da Razão e mudar por completo o quadro do seu dia a dia ou ficar de fora para continuar a ser chicoteado pelas ofertas e problemas que o mundo traz até a pessoa indecisa.

  9. Bom dia BP. JÚLIO,só o titulo do post de hoje já diz tudo consequências da decisão, e inaceitável o povo da universal,que recebe os ensinamentos práticos,inteligentes e bíblicos ser um povo indeciso,medroso,muitos comendo migalhas e bebendo agua e dando um péssimo testemunho para a família e para os de fora,quando o nosso DEUS e infinitamente grande,por isso a importância de sermos decididos,revoltados e determinados para sacrificar para o DEUS VIVO,que maravilha quando fazemos isso,nos renovamos,somos brasas bem acesas e arrebentamos , o próprio sacrifício só nos trás benefícios físicos e espirituais,caso contrario somos brasas apagadas,acomodadas e frustradas,como assim? simples quantas pessoas tão na igreja e não são realizadas em área nenhuma da vida delas,não por culpa da igreja,dos pastores ou dos ensinamentos de DEUS,mas por falta de DECISÃO,pense nisso e aprenda amar o sacrifico,esta a sua oportunidade vá com tudo e sem reservas e não seja como aqueles 100 profetas que eram de DEUS,mas estavam escondidos nas cavernas,enquanto ELIAS um homem decidido sacrificava no monte CARMELO E O FOGO CONSUMIDOR DESCEU! um abraço BP. Júlio e para todos os decididos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.