Mensagens

Como superar um problema impossível de 13.909 dias?

20 de Junho 2012

Como superar um problema impossível de 13.909 dias?

[audio:/problema.mp3]

“Passadas estas coisas, havia uma festa dos judeus, e Jesus subiu para Jerusalém” (João 5.1).

Jesus não foi à festa e sim aonde estavam os necessitados.
Pois, festa é para os religiosos que tentam camuflar o sofrimento com ela.

[floatquote]

“Ora, existe ali, junto à Porta das Ovelhas, um tanque, chamado em hebraico Betesda, o qual tem cinco pavilhões. Nestes, jazia uma multidão de enfermos, cegos, coxos, paralíticos [esperando que se movesse a água. Porquanto um anjo descia em certo tempo, agitando-a; e o primeiro que entrava no tanque, uma vez agitada a água, sarava de qualquer doença que tivesse]” (Jo 5.2-4).

[/floatquote]

Este grande tanque com muitos enfermos significa aquelas pessoas que acreditavam em Deus e tinham a esperança de resolver os problemas que estavam a “carregar” há muitos anos e nunca tinham resolvido. Elas vegetavam em cima de uma fábula e não de uma promessa, enfim, estavam à espera e criam em Deus de uma forma errada.

Todos os que ali se encontravam acreditavam nessa historinha, fábula, conto ou lenda inventada pelo “diabo”, “satanás”, “dragão” e “antiga serpente”, a qual fazia com que alimentassem uma falsa esperança. E a verdade é que eles nunca superariam e sempre seguiriam sendo superados. É isso que fazem hoje as seitas e religiões e quem as seguir e acreditar nas suas fábulas seguirá doente e fracassado.

[floatquote]

“Estava ali um homem enfermo havia trinta e oito anos” (Jo 5.5). [/floatquote]
Toda uma geração amaldiçoada por causa de uma crença errada e ele esperou um, dois, 10, 30… 38 anos.

[floatquote]“Jesus, vendo-o deitado e sabendo que estava assim há muito tempo,
perguntou-lhe: Queres ser curado?” (Jo 5.6).[/floatquote]

Porque é que que Jesus não o curou se sabia do que ele precisava? Ele pergunta para provar para a pessoa que o seu problema está na sua falta de atitude, revolta e materialização. Imagine vir à Igreja durante 38 anos e não resolver a sua vida, não acontecendo nada consigo…

[floatquote]

“Respondeu-lhe o enfermo: Senhor, não tenho
ninguém que me ponha no tanque…” (Jo 5.7). [/floatquote]

Deus não queria saber se ele tinha alguém ou não para o colocar na água, como Ele não quer saber se você tem ou não condições de resolver a sua vida. Ele pergunta-lhe: você quer?!? E muitos dão uma desculpa para Deus porque estão acomodados e dizem: “não me casei, não paguei as minhas dívidas, estou  doente, estou deprimido…”. Deus não quer desculpas de desanimados, mas quer que o decidido decida.

[floatquote]

“…quando a água é agitada; pois, enquanto eu vou, desce outro antes de mim.
Então, lhe disse Jesus: Levanta-te, toma o teu leito e anda” (Jo 5.7-8). [/floatquote]

Levanta-te, pois, a sua pior doença é a que está na sua cabeça. Por isso, não se prostre, porque você está vivo!!! Tem que se levantar!!! E logo se viu curado, pois, uniu a esperança com a fé e, quando se coloca a esperança e a fé juntas, o milagre materializa-se e a vida anda. Então, tome o seu leito e ande!

Te vejo na IURD, ou nas Nuvens!


4 comments
  1. Claudia Monteiro / Paris

    Boa noite Bispo Julio !! Para que aconteça o impossível na nossa vida temos que deixar para trás todos os sentimentos de duvidas de Medo e nos lançar totalmente nas maos de Deus . Nao temos nada a perder so a ganhar . Agora é a minha vez !!!!!!!!!

  2. João Marques (Portugal)

    13909 dias dá 38 anos, é muito tempo. Nós temos que decidir aquilo que queremos para a nossa vida, não podemos que as coisas se resolvam sozinhas com o passar do tempo. Temos que fazer planos, tomar decisões, agir até chegarmos ao nosso objectivo. É também verdade que o tempo necessário para atingir o objectivo varia em função do próprio objectivo. No caso de Abraão demorou aproximadamente 25 anos, desde a saida da parentela até ao nascimento de Isaque. Durante este tempo, Abraão levantava altares e fazia ofertas a Deus e desta forma era abençoado e prosperava. Apesar de as ofertas serem apresentadas em forma de sacrificio, na verdade não eram sacrificio porque Abraão era rico e um animal colocado no altar não fazia a menor diferença. Quando Deus quis confirmar a promessa de multiplicar a deescendencia, já pediu uma oferta de sacrificio que correspondia aquela promessa ou objectivo (o filho). Aquilo que nós oferecemos a Deus tem que ser uma representação daquilo que vamos obter pela fé, ou seja, não podemos semear feijões e esperar colher milho.

  3. Petra_Força Jovem_ Mercês

    Se eu quero o meu sonho realizado, se eu quero ver o poder de Deus materializado na minha vida eu não posso ficar à espera que alguém venha "mover as águas" por mim para que eu alcance a vitória. Eu mesma tenho que "mover as águas", ou seja, a atitude parte de mim, a revolta tem que partir de mim. Como vou ficar dependente de outros para realizar o meu sonho? Não dá. Imagino esse homem, ao pé do tanque durante 38 anos, já cansado, deprimido, debilitado; acomodado, até levantar-se e andar seria um sacrifício para ele, mas foi o preço que ele teve que pagar para ver o seu sonho realizado. Não tem outro jeito; ou eu sacrifico e sou realizada ou me acomodo e sou frustrada.

  4. Marcos Boeno-Império

    O sacrificio demostra o nivel de fé,obediencia,temor que há dentro de nós,no caso de Abraão vemos prontidão em fazer tudo o que Deus lhe pediu,ele teve ouvidos pra atender a voz de Deus e foi atendido.Deus pediu o sacrificio a Abraão ele não negou,mas quando Abraão pediu Deus não pode negar,teve que realizar o sonho de Abraão. O sacrificio é a linguagem que deixa Deus na obrigação de nos responder,vamos nesta fé.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.