Mensagens

A DOR que traz a Resposta!

28 de Dezembro 2014

A DOR que traz a Resposta!

O Altar de Deus não vai até ninguém e Deus é representado pelo Altar, já o Altar do Sacrifício é o altar da realização, aonde desce o Fogo de Deus.

O Fogo de Deus está dividido em três partes: Consumidor (que consome o mal), Consumador (que consuma, completa, cumpre com o prometido) e Abrasador (que aquece, protege, mantém, conserva).

Se você meditar na Palavra de Deus irá descobrir o porquê do mal ainda não ter sido consumido na sua vida, de as promessas de Deus não se estarem a cumprir-se mesmo crendo n’Ele, de se sentir tão inseguro, tão só, tão sem sabor…

Veja que Deus é representado pelo Fogo Consumidor, Consumador e Abrasador. O que é que esses três Fogos têm em comum? A palavra DOR está nos três Fogos e porquê? Porque esses Fogos só descem na nossa vida quando sentimos a dor do Sacrifício, da entrega, da obediência… que foi o que fez o profeta Elias no Monte Carmelo.

O povo tinha fome e quem tinha dinheiro pagava milhões por uma cabeça de um burro. As pessoas chegavam a comer os próprios filhos. Três anos e seis meses sem chover e o diabo roubando, matando e destruindo. E o povo de Deus gemendo, até que o Homem de Deus foi ao Monte Carmelo e lá levou o povo a Sacrificar. Sacrificou o touro, que era o que o povo mais precisava mas que não daria para alimentar a todos; depois, pediu ao povo para derramar sobre o Altar água e cada um colocou a água que tinha. O Homem de Deus, primeiro, pediu que derramassem quatro cântaros, cada um levava 12,5 litros de água; depois, pediu que derramassem a segunda e a terceira vez porque ele sabia que ainda havia água.

As pessoas colocaram um pouquinho de água e retiveram o resto porque para chegar no Monte Carmelo tinham de caminhar. O povo de Deus derramou a primeira e a segunda vez, mas o Homem de Deus disse-lhes que era para derramar tudo e transbordar do rego. O Homem de Deus não teve medo de levar o povo de Deus ao Sacrifício porque ele sabia que Deus faria chover Fogo e água. E assim foi!

O homem de Deus disse ainda “antes de vocês chegarem a casa, a chuva vos alcançará”. O povo ainda estava descer do Monte Carmelo quando a chuva os alcançou, para a Glória de Deus e vergonha dos demónios que estavam ali a gritar nos ouvidos das pessoas.

Quando você crê na sua entrega, no prometido por Deus, no sobrenatural… você não mede esforços, você vai e faz tudo o que está ao seu alcance e Deus faz tudo o que está fora do seu alcance.

Deus é contigo e eu também!
Bjf

Anterior

28 dezembro

Seguinte

29 dezembro


2 comments
  1. Fábio Medeiros- FJE Açores- S.Miguel

    Quando queremos conquistar alguma dádiva um dom celestial temos primeiro de sentir a Dor do Sacrifício, e então depois desfrutar da gozo do ESPÍRITO que nos traz a dádiva ou dom celestial; Quando não queremos conquistar com a Dor do Sacrifício, então sentimos o falso prazer do "Sacrifácio", porém mais à frente iremos sentir a dor da frustração, morte espiritual e morte eterna, caso não nos arrependamos. Todas as dores são causadas pela falta do Sacrifício Perfeito, pois afirma as Santas Escrituras: "Porque se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo ESPÍRITO mortificardes as obras do corpo, vivereis." Romanos 8.12

  2. Clayton Silva

    Boa tarde bispo Júlio e a todos. Só ente fazendo o que realmente está ao nosso alcançe que é viver o sacrifício e sacrificar tudo ou seja todo nosso eu tudo o que possuímos e conquistamos em busca de se manter em perfeita comunhão como Autor da Vida certamente que Ele sim fará o que falta da nossa capacidade e condições, Ele fará o que está sim fora do nosso alcance ainda que seja impossível aos homes porém para os que sacrificam toda sua vida e vive pelo que sacrificou a esse nada lhe é impossível pois passar a crê como Deus. Fico agradecido. Saudações. Atenciosamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.