Mensagens

4ª Porta – A Boca

29 de Novembro 2014

4ª Porta – A Boca

AS 7 PORTAS QUE TEMOS QUE ABRIR PARA DEUS

De vida, amor, louvor, apreciação, carinho, valorização… mas também de acusação, mentira, de desvalorização, de escárnio… sim, a boca é a porta de entrada que tem um poder arrebatador, tanto para o Bem, como para o mal…

Está escrito que:

[floatquote]A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto” (Provérbios 18.21)[/floatquote]

Ou seja, o poder da vida e da morte está na palavra. Isto quer dizer que, com uma palavra você pode matar, e com uma palavra você pode dar vida. Por isso, o diabo tem trabalhado para que as pessoas pronunciem palavras de morte, de dúvida, negativas, ao invés de palavras de Fé, verdadeiras, de vida, de esperança, que têm o poder de libertar, de curar, de reconciliar, de fazer reviver.

Mas, será que não estamos sujeitos a sentimentos, deceções ou a problemas? Claro que sim! Mas, se somos de Deus, então, temos que vigiar as nossas palavras!

[floatquote]Faze-me justiça, ó Deus, e pleiteia a minha causa contra a nação contenciosa; livra-me do homem fraudulento e injusto” (Salmos 43.1)[/floatquote]

Estas palavras foram proferidas por, nada mais nada menos, que o rei Davi! Ele era rei, de Deus, justo, mas estava igualmente sujeito a problemas, deceções, ameaças e injustiças, como você e eu. Davi estava a viver um inferno, e começou a proferir palavras negativas, até que despertou para uma realidade. Os seus inimigos e traidores só lograriam êxito, se ele não guardasse o seu coração, pois a boca fala do que o coração está cheio. Estavam a tentar roubar-lhe o trono, a tentar matá-lo, pessoas do próprio país, da sua própria terra, que ele ajudou, deu a vida e, agora, o apunhalavam pelas costas. E isso dói!

Porém, Deus precisa que você e eu abramos essa porta, da nossa boca, para falar palavras positivas, a verdade, o que é justo, mesmo que isso desagrade aos outros. Você tem que escolher entre desagradar a Deus e agradar aos outros, ou desagradar aos outros e agradar a Deus.

Sabe qual é a pessoa com quem você mais fala? VOCÊ MESMO! E quantas não são as palavras negativas que tem dito para si mesmo, como por exemplo: “estás a ficar velho; estás gordo; magro; encurvado; fraco; triste; você não pode; errou; pisou na bola; a sua fé é pequena…”. Você, por vezes, diz o que é certo, bom e verdadeiro para os outros, mas diz o que é errado, mentira ou injusto para si próprio. Você desvaloriza-se, e aí está o seu erro, o qual só você pode reparar, porque você é o responsável pela sua própria língua. A Bíblia diz:

[floatquote]Põe guarda, SENHOR, à minha boca; vigia a porta dos meus lábios” (Salmos 141.3)[/floatquote]

Aí está o segredo dos vencedores, dos fortes: a palavra!

Veja que Jesus conhecia o lado negativo das pessoas, Ele sabia quem O estava a trair, a criticar, mas, nem por isso, pronunciava palavras negativas. Ele falava a verdade, que dói, mas não para condenar, para destruir, para excluir, e sim para libertar a pessoa. E quem é sincero, ouve, pode doer, mas aceita e liberta-se, que foi o seu caso e o meu.

Está escrito que não se deve aceitar que saia de uma fonte (boca) doce, água amarga e, se com a boca confessamos que Jesus Cristo é o Senhor, como poderemos aceitar que essa mesma boca confesse a derrota, a doença, o vício, a miséria, a separação ou a frustração?

Se confesso que o Senhor Jesus é o Senhor da minha vida, também devo confessar que o meu corpo é saudável, que a minha vida sentimental é realizada, que a minha vida familiar é abençoada, que a minha vida económica é próspera, que a minha vida espiritual é avivada e que tenho uma Aliança com Deus! Por isso, abra essa porta para Jesus, pois só Ele merece!

A PALAVRA é tão importante para Deus e para o mal, tanto que Ele afirma que devemos policiar as nossas Palavras:

[floatquote]O que guarda a boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios a si mesmo se arruina.” Pro 13.3[/floatquote]

[floatquote]O Sábio guarda a sua boca – Quem retém as palavras possui o conhecimento, e o sereno de espírito é homem de inteligência.” Pro 17.27[/floatquote]

Por isso, pense antes de falar, pois, pelas palavras podemos ser condenados ou absolvidos.

Leia também:
1ª Porta – A Mente
2ª Porta – Os olhos
3ª Porta – Os ouvidos

Deus é contigo e eu também!
Bjf

Anterior

29 novembro

Seguinte

30 novembro


9 comments
  1. Paulo Cabral- Merces- FJE São Carlos

    Boa tarde A boca é uma porta qual noz devemos vigiar muito. Da nossa boca profere vida como profere a morte, e por meio das palavras reflete o que está dentro de noz, ou seja dentro do nosso coração, devemos dizer palavras que animam que levatam as pessoas, que as encoraja que fortalece. temos que usar a nossa boca como o instrumento do bem.

  2. Renata Siqueira

    Muito forte bispo...Que o SENHOR JESUS me proteja e me dê sabedoria para que eu saiba usar as palavras certas nas horas certas e com as pessoas certas, para que eu não venha tropeçar no meu próprio falar e tão pouco elas venham ser tropeço para alguém, quero ter um coração segundo o de DEUS, pois assim estarei a falar o que é bom puro e agradável.

  3. Daniel Ganilho - FJE Porto

    Post interessante .. Ainda nós sejámos obreiros, devemos vigiar aquilo que falámos pela boca fora... Hoje sei uma porta que tenho que fechar muito melhor para o diabo não agir na minha vida... Aquilo que falo, vou por em prática não só na minha vida como na vida daqueles que me rodeiam ... Obrigado bispo por todo o cuidado

  4. Rita FJE Aveiro

    Boa Noite Bispo , chamou-me muito a atenção quando fala : " Sabe qual é a pessoa com quem você mais fala? VOCÊ MESMO! E quantas não são as palavras negativas que tem dito para si mesmo, como por exemplo: “estás a ficar velho; estás gordo; magro; encurvado; fraco; triste; você não pode; errou; pisou na bola; a sua fé é pequena…”. Você, por vezes, diz o que é certo, bom e verdadeiro para os outros, mas diz o que é errado, mentira ou injusto para si próprio. Você desvaloriza-se, e aí está o seu erro, o qual só você pode reparar, porque você é o responsável pela sua própria língua. A Bíblia diz: Põe guarda, SENHOR, à minha boca; vigia a porta dos meus lábios” (Salmos 141.3) " . Não tenho policiado o meu falar, é como uma vez ouvi numa pregação que nós até vigiamos as raposas e as raposinhas ???? Nesta mensagem consegui entender a importância de se vigiar no falar, de não dar a derrota de baixar logo os braços! Pois tenho vigiado o meu comportamento mas deixei de lado a porta : boca. Mas apartir agora vou vigiar 100% todas as portas,ouvido,boca,olhos.

  5. Fábio Medeiros- FJE Açores(S.Miguel)

    "Porque em verdade vos digo que qualquer que disser a este monte: Ergue-te e lança-te no mar, e não duvidar em seu coração, mas crer que se fará aquilo que diz, tudo o que disser lhe será feito." Marcos 11:23 Neste versículo podemos observar que o SENHOR JESUS CRISTO era extremamente positivo e cheio de Fé; Temos que seguir seu exemplo. "...Eu sou a Luz do mundo; quem Me segue não andará em trevas, mas terá a Luz da Vida." João 8.12

  6. Como sempre mensagens que abrem os nossos olhos para a vontade de Deus. Que Deus continue a iluminar a sua vida, sr. bispo Julio! Não somente o senhor mas a sua esposa, o seu filho. O seu ministério. Este blog é muito positivo! Em meio a tantas páginas destruidoras da internet, conteúdos como esse só acrescentam positivamente à vida espiritual de internautas em todo o mundo! Vinicius Brito, Salvador-BA. http://www.diantedoreino.blogspot.com.br

  7. rayanne

    Temos que ter muito cuidado com a nossa boca, nem sempre o que falamos vai acrescentar na vida de alguem

  8. Jailson Pereira - Baixa da Banheira - FJE Barreiro

    Boa tarde Bispo . A verdade é que nós nos esquecemos que da nossa boca pode sair destruição como edificação . Por vezes dizemos palavras e não medimos as suas consequências . E as consequências podem ser demolidoras . Por isso devemos ter cuidado em tudo o que dizemos . Obrigado por mais uma mensagem libertadora . Deus abençoe .

  9. Jarlenys Dias- fje Sede Internacional

    Boat tarde, bispo. Eu ja fui essa pessoa negativa.Sempre confessava as derrotas. Por isso, a minha vida não andava pela frente mesmo dentro da igreja! Com essa mensagem que o senhor postou, abriu os meus olhos. Tenho ter cuidado o que digo. Eu já estava habituada falar sempre com palavras negativas. Vou esforçar-me dizendo com voz alta:' Sim, eu consigo vencer essas lutas.Com Deus, sou capaz.' Ai terei minha vitória! Obrigada, sr. bispo. Que Deus abencoe muito senhor e a sua família.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.